VIAGENS LONGAS PODEM PREJUDICAR SAÚDE DAS PERNAS

Confira dicas para evitar a trombose, uma das principais doenças durante essa época do ano

Após as comemorações de fim de ano, janeiro é época de descanso para boa parte
dos brasileiros. Com isso, diversas pessoas pegam estrada ou viajam de avião para
curtir as férias longe de casa. O problema é que esse momento também pode se
tornar um vilão quando negligenciado. O longo período na mesma posição dentro
de veículos é um risco para a saúde das pernas diante dos riscos de desenvolver a
trombose.
Segundo o Ministério da Saúde, a cada mil brasileiros, 2 desenvolvem os sintomas
mais leves da Trombose Venosa Profunda (TVP). Enquanto isso, de acordo com a
Sociedade Internacional de Hemostasia e Trombose, cerca de 1 milhão de pessoas
morrem todos os anos devido ao grau mais elevado do problema, conhecido como
embolia.
O angiologista e cirurgião vascular, Guilherme Jonas, explica que o melhor caminho
para se prevenir é através de hábitos saudáveis e vida longe do sedentarismo.
“Nunca é demais repetir: bons hábitos alimentares e exercícios físicos salvam vidas.
Estes são os principais aliados na prevenção de muitas doenças, entre elas, todos
os transtornos ligados à saúde vascular”, destacou.
Férias
A principal causa da trombose é a falta de movimento. “Ficar parado por muito
tempo faz com que o sangue não circule da maneira correta. Isso produz coágulos
nas maiores veias da perna, conhecidos como trombos e causam dor e inchaço na
região, podendo interferir no movimento das pernas e prejudicar,
consideravelmente, a qualidade de vida do paciente”.
Exatamente por ser um período em que as pessoas ficam muito tempo paradas na
mesma posição e em locais difíceis de mexer as pernas, como o assento de aviões,
carros e etc, as férias são o período em que mais surgem casos de trombose. “A
melhor forma de prevenir esse problema é com exercícios. Mesmo dentro do carro
ou em outro veículo, faça o movimento de levantar e descer os pés a cada 20
minutos. Se possível, tente levantar um pouco. Caso esteja no avião, e se estiver
viajando de carro ou ônibus, aproveite as paradas para se exercitar e fazer
alongamentos”, indicou o médico.
Fonte: Guilherme Jonas, médico angiologista e cirurgião vascular, especialista em
cirurgia vascular pela SBACV (Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia
Vascular). CRMMG 44020, RQE 28561, 37143. Diretor técnico da clínica Angiomais
em Belo Horizonte MG.

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email
Abrir Whatsapp
Agendar Consulta